Noticias PR

Policial militar morre após disparo dentro de casa e detalhes chamam atenção.

Uma equipe do Samu fez o atendimento médico no local e encaminhou a vítima para o hospital.
O policial militar do 13º Batalhão, Lucas Eduardo Ribeiro Gonçalves, morreu após um disparo de arma de fogo atingir sua barriga, na manhã deste último sábado (28-09), em sua casa na rua Leopoldo Chulik, no bairro Cercadinho, em Campo Largo, Região Metropolitana de Curitiba. Uma equipe do Samu fez o atendimento médico no local e encaminhou a vítima para o Hospital do Rocio, mas Gonçalves não resistiu aos ferimentos.
De acordo com informações do boletim de ocorrência, o disparo teria acontecido na sala da residência e a única testemunha do ocorrido seria a ex-noiva de Gonçalves. Ela conta ter acompanhado o policial por volta das 5h da manhã até a casa dele, depois de encontrá-lo com um amigo em uma casa de shows em Curitiba. Em dado momento, os dois teriam começado a discutir, pois a vítima tentava persuadir a ex-noiva a reatar o relacionamento. Com a resposta negativa, Gonçalves teria dito que iria se matar, e enquanto a ex-noiva estava no banheiro, pegou a arma atirando contra o próprio corpo.
A testemunha foi questionada pelos policiais do porquê da arma estar longe do corpo, em cima de um móvel e sem marcas aparentes de sangue, no momento da chegada da equipe, no que ela respondeu que foi orientada pelo atendente do Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) a retirar o objeto do local por questões de segurança.
O local foi isolado até a chega da equipe da criminalística e agora o caso será investigado pela polícia.
FONTE: BANDA B

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *