Vendedor que retornava de confraternização é vítima de tocaia e é assassinado

O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba
Um vendedor de carros, de 29 anos, morreu com tiros de espingarda calibre 12 na Av. Manoel Ribas, no bairro Butiatuvinha, em Curitiba. O crime aconteceu no início da madrugada desta sexta-feira (10-01) depois que um carro emparelhou e um dos ocupantes desceu armado.
A vítima retornava de uma confraternização em um bar com amigos e familiares quando o crime aconteceu. O perito Edimar Cúnico, da Polícia Científica, falou sobre a cena vista no local de crime.
“Tem um veículo em que o proprietário estava no banco do condutor e parece que um segundo veículo encostou uma pessoa, com uma espingarda calibre 12, deu dois tiros fatais contra a vítima. Tiros pesados e que causaram sérios danos, já que a arma era uma calibre 12”, descreveu o perito.
O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.
FONTE: Banda B

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *