Em menos de 12h, a PRF apreende mais de meia tonelada de maconha em 3 ocorrências.

Durante a noite da última sexta (22-05) e a manhã do sábado (23-05), no âmbito da Operação Flagelum, a PRF apreendeu, aproximadamente, 691 kg de maconha, 4 veículos e prendeu 7 pessoas em Guaíra/PR e Quatro Pontes/PR.

A primeira ocorrência aconteceu por volta das 23h de sexta quando, durante fiscalização de rotina, ao abordarem um veículo Ford/Fiesta na Unidade Operacional de Guaíra, os policiais desconfiaram das ocupantes por demonstraram grande nervosismo. Ao verificarem a bagagem, foram encontrados vários tabletes de maconha, que pesados totalizaram 72,49 kg. As ocupantes, o veículo e a droga foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Guaíra/PR.

Já na manhã deste sábado, às 8h00, também em Guaíra, a equipe deu ordem de parada a 2 veículos que seguiam sentido Umuarama/PR, e desobedeceram, empreendendo fuga pela rodovia. De pronto, a equipe iniciou acompanhamento tático e verificou que os veículos transitavam em velocidade excessiva, realizavam ultrapassagens arriscadas e buscavam forçar colidir com a viatura a fim de lograr êxito na fuga, fato esse que não ocorreu, pois foi interceptado o primeiro veículo, um Peugeot 208, que tinha como ocupantes um casal. No automóvel foi encontrada grande quantidade de maconha, totalizando 268,5 kg. Já no outro automóvel, um Hyunday HB20S, foram identificados 2 ocupantes que faziam o serviço de “batedor” da carga. Diante dos fatos, os veículos, a droga e os passageiros foram encaminhados à Delegacia de Polícia Federal de Guaíra/PR.

Em mais uma ocorrência, em Quatro Pontes/PR, na manhã desse sábado às 8:50h, a equipe de plantão deu ordem de parada a um veículo VW Gol, que empreendeu fuga para uma região de plantação. Seu condutor abandonou o veículo, fugindo a pé. Mas, após acompanhamento, a equipe conseguiu alcançar e prender o condutor. Dentro do veículo, foram encontrados 350 kg de maconha. O veículo, a droga e o condutor foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Marechal Cândido Rondon/PR.

FONTE: PRF/PR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *