ESPORTE: São Paulo tira patrocinador da camisa e espera pagamento para não rescindir contrato.

Clube não exibirá marca da “iSURE” neste domingo, contra o Goiás. Entenda impasse.

O São Paulo não vai exibir a marca do patrocinador “iSURE” no uniforme contra o Goiás, neste domingo, às 16h (de Brasília), na estreia do Brasileirão, pela falta de pagamento dos valores combinados. A informação foi publicada pelo “UOL” e confirmada pelo ge.

O clube notificou a empresa mais de duas vezes por causa da situação e espera entre segunda e terça-feira receber os primeiros R$ 500 mil combinados para serem pagos em até 15 dias após o fechamento do acordo, prazo que venceu.

Caso não haja acordo e o contrato seja rescindido, o São Paulo tem direito a multa de R$ 2,5 milhões por não cumprimento do que foi combinado.

A companhia de consultoria e seguros exibiu sua marca no uniforme do Tricolor nos jogos contra Bragantino, Guarani e Mirassol. O impasse ocorre menos de um mês após o anúncio do patrocinador, feito no dia 10 de julho.

Botafogo e Flamengo também foram procurados pela empresa de seguros recentemente. O acordo entre São Paulo e a empresa foi acertado até dezembro, quando se encerra o mandato do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco. Pelo combinado, a marca também seria exibida nas camisas do time feminino, sub-20 e de basquete.

No total, o acordo é de R$ 5 milhões, sendo R$ 4 milhões para o futebol e R$ 1 milhão para o basquete.

Atualmente, o São Paulo lista outras 12 empresas parceiras em seu site. Recentemente, o clube renovou o patrocínio com o Banco Inter, que ocupa o principal espaço da camisa, também até o final deste ano.

FONTE: G1/GLONOESPORTE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *