Operação apreende mais de 1 tonelada de alimentos ilegais, entre eles carne de abate clandestino

Os produtos não tinham nenhuma identificação da procedência. Outros itens nem continham rótulos. A operação ocorreu em três cidades e um distrito, em Mato Grosso do Sul.

Operação da Polícia Civil apreendeu mais de 1 tonelada de alimentos ilegais, entre eles carne de abate clandestino, em estabelecimentos das cidades de Mundo Novo, Itaquiraí, Naviraí e no distrito de Campo Grande, Anhanduí. Os dados compilados da ação foram divulgados pela delegacia de Repressão aos Crimes contra as Relações de Consumo (Decon) nesta terça-feira (3).

Em nota, a Polícia Civil mencionou que a operação ocorreu entre os dias 25 e 29 de abril e passou por inúmeros estabelecimentos que comercializavam os produtos clandestinos. Entre as apreensões havia carnes sem embalagem, manteiga sem rótulo de procedência e nenhuma identificação da data de fabricação e validade.

Além dos policiais da Decon, a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) e vigilância sanitária participaram da operação de combate ao comércio clandestino de origem animal.

Entre os estabelecimentos vistoriados, a operação apreendeu 1,2 tonelada de produtos clandestinos, entre carnes salgadas e linguiças produzidas sem inspeção sanitária.

Foram apreendidos também 140 kg de queijos produzidos sem o alvará sanitário e sem nenhum tipo de inspeção de produção.

Fonte: G1/g1 MS