GUAÍRA: PH ESPORTES E AABB, CAMPEÕES DO 2º CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO

Neste sábado 30-11 na sede da AABB de Guaíra aconteceu as finais do 2 campeonato de futebol suiço em duas categorias sendo que na categoria veteranos a disputa foi entre 6 equipes e na categoria livre 20 equipes.
A disputa dos veteranos foi entre Equipe AABB X Equipe PH ESPORTES.
a disputa da categoria livre foi entre Equipe PH ESPORTES x Equipe LOVERA DISTRBUIDORA
Na Categoria veteranos o grande campeão foi a Equipe AABB, e na categoria livre sagrou-se campeão a Equipe PH ESPORTES.
O goleiro menos vazado do campeonato foi THIAGO EQUIPE LOVERA DISTRIBUIDORA.
O artilheiro do campeonato foi ARTILHEIRO FILÓ EQUIPE PH ESPORTES

GOLEIRO MENOS VAZADO THIAGO EQUIPE LOVERA DISTRIBUIDORA
ARTILHEIRO FILÓ EQUIPE PH ESPORTES

 

Câmara aprova projeto que permite que time vire sociedade anônima.

Fonte:Agência Brasil Brasília
Projeto segue para o Senado

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (27-11) projeto de lei que estabelece as condições para clubes de futebol, federações e ligas possam ser sociedades anônimas (S/A), com ações negociadas em bolsas de valores.
O texto é um substitutivo do deputado Pedro Paulo (DEM-RJ) ao Projeto de Lei 5082/16, do deputado Domingos Sávio (PSDB-MG).
Com a aprovação da Câmara, o projeto seguirá para avaliação do Senado.

FUTEBOL: Festa e tristeza: Maradona estreia com derrota e “murcha” com frango de goleiro do Gimnasia. (ver fotos e vídeos).

El Pibe é ovacionado, vibra efusivamente com gol de empate, mas se decepciona com revés em casa diante do Racing

A estreia de Diego Maradona no Gimnasia La Plata não foi das melhores. Jogando em casa, a equipe da capital da província de Buenos Aires perdeu por 2 a 1 para o Racing. O resultado manteve o time de El Pibe na última colocação do Campeonato Argentino.

Antes da partida, uma festa absurda no estádio Juan Carmelo Zerillo, em La Plata, que estava completamente abarrotado. Dezenas de faixas e camisas em homenagem a Maradona. Empolado, Dieguito posou para a tradicional foto posada do time em campo – técnicos não costumam aparecer nesse tipo de foto.

+ Maradona se emociona, pula e canta na apresentação como técnico do Gimnasia y Esgrima

Maradona posa para foto com restante do time – e ao lado de Arias, que acabou falhando feio no primeiro gol — Foto: EFEMaradona posa para foto com restante do time – e ao lado de Arias, que acabou falhando feio no primeiro gol — Foto: EFE Maradona posa para foto com restante do time – e ao lado de Arias, que acabou falhando feio no primeiro gol — Foto: EFE

Torcida do Gimnasia faz festa na estreia de Maradona como técnico do clube — Foto: EFETorcida do Gimnasia faz festa na estreia de Maradona como técnico do clube — Foto: EFE
Torcida do Gimnasia faz festa na estreia de Maradona como técnico do clube — Foto: EFE

 

Frango murcha Maradona
Com a bola rolando, Maradona foi um tanto comedido (para os padrões dele). Não deu “show” no banco como de costume, muito por conta de uma operação recente no joelho. O campeão do Mundo em 1986 se levantou em alguns momentos, gesticulou dando orientações, lamentando e reclamando.

O gol de Diego González, que se aproveitou de uma falha bizarra do goleiro Arias, abrindo o placar para o Racing aos 36 da etapa inicial murchou Diego. Aos seis minutos do segundo tempo, entretanto, El Pibe foi ao delírio. O motivo? García, de cabeça, igualou o marcador. Maradona levantou e ficou comemorando efusivamente com os torcedores.

https://twitter.com/i/status/1173255161193664512Torcida do Gimnasia faz festa na estreia de Maradona como técnico do clube —

Foto: ReutersTorcida do Gimnasia faz festa na estreia de Maradona como técnico do clube —
FONTE: Por GloboEsporte.com — La Plata, Argentina

ESPORTE: Após briga, jogador do Corinthians Futsal morre baleado, em Erechim.

Segundo informações, a equipe paulista estava na cidade disputando a Taça Brasil de Futsal.

O pivô do Corinthians Futsal, Douglas Nunes da Silva, de 27 anos, foi assassinado na madrugada deste domingo (11-08), no centro de Erechim, no Rio Grande do Sul.
O crime teria ocorrido durante uma briga na Avenida Sete de Setembro.
Segundo informações, a equipe paulista estava na cidade disputando a Taça Brasil de Futsal e o atleta teria participado de uma festa em um clube, quando se envolveu em uma discussão.
Ao deixar o local, por volta das 5h20min, foi alvejado.
A Brigada Militar foi acionada e a vítima chegou a ser encaminhada ao hospital pela ambulância do Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos.
Douglas Nunes da Silva era natural de São Paulo e já havia conquistado os títulos da Liga Paulista, Super Liga, Copa Paulista, Copa do Cazaquistão e Eremo Cup.

FONTE: Jornal Bom Dia

 

Brasil vence Jamaica por 3 a 0 na estreia da Copa do Mundo feminina.

Sem Marta, que está se recuperando de uma lesão muscular na coxa, a seleção brasileira feminina contou com o talento de Cristiane para vencer a Jamaica por 3 a 0 na estreia do Mundial da França. A atacante, uma das mais experientes do elenco, assumiu o protagonismo e fez os três gols da vitória tranquila no Stade des Alpes, em Grenoble.

O resultado positivo encerra uma sequência de nove derrotas da seleção brasileira e um jejum de vitórias que já durava quase um ano. O último triunfo havia sido conquistado em 29 de julho do ano passado, quando superou o Japão por 2 a 1, em amistoso na Inglaterra.

Com o bom início, o Brasil assume a ponta do Grupo C por ter saldo de gols superior ao da Itália, que também venceu na primeira rodada. A Austrália, uma das favoritas ao título, ocupa o terceiro posto, e a Jamaica é a lanterna. O próximo compromisso do time brasileiro é contra a Austrália, na quinta-feira, às 13 horas, em Montpellier.

As brasileiras contaram com o brilhantismo de Cristiane, que se tornou a segunda maior goleadora brasileira em Mundiais, com oito gols, atrás apenas de Marta, que tem 15, e se aproveitaram da fragilidade das jamaicanas para largar bem no Mundial. O time comandado por Vadão, mesmo sem Marta, dominou as ações na partida, de modo que teve mais posse de bola (63%), finalizou mais vezes – 19, sendo sete ao gol – e foi pouco ameaçado.

Com a boa postura em campo, o gol não demorou sair. Ele veio aos 15 minutos, quando Cristiane recebeu cruzamento de Andressa e acertou lindo cabeceio no canto esquerdo para inaugurar o placar. Após o tento, as brasileiras tiveram oportunidades para construir uma goleada ainda no primeiro tempo, mas empilharam chances desperdiçadas, entre elas um pênalti, que Andressa Alves bateu mal, no canto direito, onde a goleira Schneider caiu para fazer a defesa. A Jamaica foi à ataque poucas vezes e obrigou a goleira Bárbara a fazer duas boas intervenções em chutes de Shaw.

Na etapa final, a seleção brasileira, com a inspiração de Cristiane, definiu em poucos minutos o triunfo. A atacante do São Paulo nem precisou balançar as redes para marcar mais duas vezes. Aos quatro minutos, ela completou cruzamento da direita e viu Plummer cortar, mas a bola já havia ultrapassado a linha e o gol foi validado. Aos 18, Cristiane completou o show com uma bela cobrança de falta. Ela bateu com força, a bola explodiu no travessão e pingou dentro do gol.

Logo após o terceiro gol, Vadão substituiu Cristiane por Ludmilla. Com a saída da estrela da partida, o ritmo caiu um pouco, mas o Brasil conseguiu administrar o placar sem ser muito incomodado e conquistou uma importante vitória, que eleva o moral para a sequência do torneio.

SURPRESA ITALIANA

Mais cedo, no outro duelo do Grupo C, em que está o Brasil, a Itália aprontou e derrotou a Austrália, uma das favoritas ao título, de virada, por 2 a 1, em duelo disputado no Stade du Hainaut, em Valenciennes. O duelo foi animado, repleto de chances, com um pênalti para cada lado e gol que definiu o triunfo italiano aos 49 minutos da etapa final.

Donas de seis conquistas mundiais, as australianas abriram o placar aos 22 minutos do primeiro tempo com Kerr, uma das finalistas da última Bola de Ouro. Ela teve sua cobrança de pênalti defendida, mas marcou no rebote. Na etapa final, brilhou Bonansea, craque da Juventus. A atacante empatou aos 11 em bonito lance, e fez de cabeça o gol da vitória no último minuto, aproveitando falha da goleira Lydia.

FONTE: O ESTADÃO

Guaíra: Alo Guaíra e região boa noite nos voltamos!!!!

Atenção para um bom entendedor meia palavra basta…. desta vez muiiito Maior KKKK

Ola tudo bem, nos voltamos prazer, ao seu dispor  “O PREDADOR”

Que saudades o tempo passou e estamos de volta e agora com o filing free mais apurado com muitos recursos e defesas desta vez……

problemático e com um novo suporte… queridas queridos NOS CHEGUAMOS !!!!!

EU POSSO ESTAR AO SEU LADO, Obs ( deta vez em grande estilo querem ver?

kkkkk O PREDADOR.

Para quem não esteve ou apareceu por estes lados apos os anos 90 perguente a quem a quem estava e quem dizia “”” EU POSSO ESTAR AO SEU LADO””” Ai tu vai entender

O PREDADOR: +++++ = email: para; predadorguaira@hotmail.com

Futebol: Cascavel Clube Recreativo derrota o Coritiba no Estádio Olímpico

Abertura da terceira rodada foi realizada nesta quarta-feira (20-03)

Nesta ultima  quarta-feira (20-03), o Cascavel Clube Recreativo recebeu o Coritiba no Estádio Olímpico Regional pela terceira rodada da Taça Dirceu Kruger do Campeonato Paranaense de Futebol.

No primeiro tempo, aos cinco minutos jogados Hildo do CCR arrisca de longe e Muralha espalma.

Cobrança de falta para o Coxa. Giovanni bate para a área, Sabino cabeceia e o goleiro Marcos Paulo segura.

Aos 25 minutos jogada do Coritiba. Igor Paixão cruza e a bola para Igor Jesus que tenta de letra e a bola passa perto do gol do CCR.

Chance do time da casa aos 36 minutos: Vitor cobra falta e Muralha defende.

Intervalo de jogo Cascavel Clube Recreativo 0 x 0 Coritiba.

No segundo tempo, aos 4 minutos Taylan do CCR chuta, Allan Costa tenta tirar e acaba marcando contra, de cobertura: 1 a 0 para o Cascavel Clube Recreativo.

Aos 15, Igor Jesus cruza pela esquerda, Juan Alano bate de primeira, sozinho e manda para fora.

O Coxa tenta com Welinton Júnior que bate forte da pequena área e a bola passa perto do travessão.

Boa jogada do CCR com Rafael Castro. Ele chuta, Muralha defende e na sequência Sassá chuta para fora.

Em velocidade Castro do CCR tenta com Ronaldo, que bate bem mas a bola vai para fora.

Fim de jogo Cascavel Clube Recreativo 1 x 0 Coritiba.

Com o resultado o CCR chega aos seis pontos na tabela de classificação do Grupo B. O Coritiba perde a invencibilidade na competição e permanece com 6.

No próximo domingo (24), pela quarta rodada o adversário do Coritiba é o Rio Branco no Couto Pereira às 16:00. O CCR enfrenta o Paraná Clube na Vila Capanema às 20:00.

Outros resultados

Foz 0 x 0 Toledo

Maringá 1 x 2 Londrina

Athletico 3 X 0 Operário

Dois jogos complementam a terceira rodada nesta quinta- feira (21-03).

Na Vila Capanema o Paraná recebe o Cianorte a partir das 20:00.

No mesmo horário tem FC Cascavel e Rio Branco no Estádio Olímpico Regional.

fonte: www.catve.com

Conmebol indica que Copa América de 2020 será na Colômbia e na Argentina

A Conmebol confirmou nesta quarta-feira que a Copa América de 2020 será disputada mesmo na América do Sul, rejeitando oficialmente a proposta da Federação de Futebol dos Estados Unidos, que havia proposto uma competição envolvendo todo o continente, como a Copa América Centenário, de 2016, em solo norte-americano.

O convite já havia sido recusado no fim do mês passado, mas foi oficializado somente nesta quarta, em reunião do Conselho da Conmebol, em Miami, nos EUA. No mesmo evento, a entidade sul-americana indicou que a competição do próximo ano será sediada de forma conjunta por Colômbia e Argentina.

De acordo com a Conmebol, a decisão de rejeitar o convite americano foi aprovado de forma unânime pelo Conselho. E tomou como base a decisão da entidade de realizar a Copa América a cada quatro anos, a começar pela edição de 2020 – neste o evento será realizado no Brasil.

A Conmebol também defendeu sua decisão porque já havia convidado seis seleções da Concacaf, à qual pertence à federação americana, a participar das edições de 2020, 2024 e 2028 da Copa América. Mas o convite fora rejeitado.

Além disso, segundo a Conmebol, a proposta dos americanos ignorava a longa tradição, de 103 anos, da Copa América, por propor a competição continental na mesma data do torneio sul-americano.

Assim, o Conselho da entidade confirmou que a competição será realizada na América do Sul em 2020. De acordo com a Conmebol, a ideia é “aproximar o futebol sul-americano dos seus torcedores”. E os candidatos a sediar o evento são a Colômbia e a Argentina, que ainda precisam de uma aprovação final para serem confirmados como países-sede.

FUTEBOL: São Paulo vence Vasco nos pênaltis e é tetracampeão da Copinha na 50ª edição.

 50ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, a festa e do Tricolor Paulista

O São Paulo é tetracampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Nesta sexta-feira (25-01), os garotos de Cotia enfrentaram o Vasco na grande decisão do principal torneio de base do País e não fizeram feio. Em meio a um Pacaembu lotado e sob forte chuva, o Tricolor confirmou se favoritismo superando o rival nos pênaltis (3 x 1) após empate em 2 a 2 no tempo regulamentar. Os gols tricolores foram marcados por Gabriel Novaes e Antony. Lucas Santos, de falta, e Tiago Reis balançaram as redes, Com o resultado, o São Paulo chegou ao seu quarto título da Copinha em 11 finais disputadas. Desta forma, o clube se igualou ao Flamengo e Internacional como tetracampeões do torneio. À frente deles estão apenas o Fluminense, com cinco conquistas, e Corinthians, com dez.
Destaque do Tricolor na 50ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Gabriel Novaes encerrou o campeonato como artilheiro, com dez gols marcados. Desses, seis foram assistidos por Antony, um dos garçons da equipe ao lado de Rodrigo Nestor
O jogo – O São Paulo foi melhor que o Vasco no primeiro tempo. Embalados pela torcida, os garotos de Cotia procuraram agredir o adversário a todo o momento e por pouco não abriram o placar logo nos primeiros minutos da decisão. Por duas vezes o Tricolor entrou na área rival pelas laterais e tentou cruzar rasteiro para alguém finalizar, mas a zaga cruzmaltina fez o corte.

Se mantendo paciente, o São Paulo teve aos 16 minutos sua melhor oportunidade do primeiro período. Paulinho acionou Gabriel Novaes pela direita, e o artilheiro da Copinha foi para cima dos dois marcadores, invadindo a área e tocando por cima na saída do goleiro vascaíno. Sem sorte, ele viu a bola passar sobre o travessão, levando a torcida à loucura no Pacaembu.

Depois de tanto martelar, o Tricolor, enfim, acabou abrindo o placar aos 38 minutos de jogo. Paulinho saiu em velocidade pelo meio e abriu para Antony na direita. O camisa 7 do São Paulo ergueu a cabeça e cruzou na medida para Gabriel Novaes, que, livre da marcação, precisou apenas cabecear certeiro para marcar seu décimo gol na Copa São Paulo de Futebol Júnior.
Já no segundo tempo o São Paulo foi mais eficiente e marcou o segundo gol logo na primeira grande oportunidade que teve. Aos sete minutos, Rodrigo Nestor deu excelente passe em profundidade para Antony, que ganhou na corrida do seu marcador, invadiu a área, cortou para o meio e bateu sem chances para o goleiro adversário.

Passado o segundo gol são-paulino, o Vasco acordou na partida e finalmente forçou Thiago Couto a trabalhar. Primeiro, aos 11 minutos, Caio Lopes finalizou livre, na entrada da pequena área, após cruzamento, mas o goleiro tricolor fez a defesa. Depois, aos 14, foi a vez de Tiago Reis arrematar da marca do pênalti e mandar por cima do travessão. De tanto insistir, o Cruzmaltino foi premiado com o gol aos 30 minutos. Em cobrança de falta da entrada da área, Lucas Santos bateu colocado, por cima da barreira, e viu a bola resvalar no travessão antes de entrar no gol de Thiago Couto, que apenas acompanhou com os olhos.

Já sem seus principais jogadores, o São Paulo teve de lidar com o crescimento do Vasco no fim do jogo. Se aproveitando da ausência de Antony, Gabriel Novaes e Rodrigo Nestor, o time carioca seguiu pressionando e acabou chegando ao tão sonhado empate aos 38 minutos com Tiago Reis, que recebeu cruzamento dentro da área, matou no peito e bateu sem chances para Thiago Couto, forçando a decisão nas penalidades.

Pênaltis – Nas penalidades, melhor para o São Paulo, que converteu três de suas quatro cobranças, enquanto Tiago Reis, Norões e Marco Júnior desperdiçaram para o Vasco.